IMG 20200601 WA0030
 
Reitores de Univerdidades Públicas e Directores Gerais de Instituições de Ensino superior público da Zona Sul do País, reuniram no dia, 01.06.20, na Sala dos Grandes Actos - Biblioteca Central da UPMaputo para em conjunto discutir o plano de ação e formas articuladas de intervenção face a pandemia da COVID -19, que atirou os estudantes para fora do espaço universitário, prosseguindo o processo de ensino e aprendizagem via plataformas digitais. A Reunião, convocada pela UPMaputo foi dirigida por Jorge Ferrão, Reitor da Pedagógica de Maputo, que elencou como pontos de agenda: Reflexão sobre as medidas adoptadas para a prevenção e combate à propagação da COVID -19; Apresentação e discussão de possíveis cenários e medidas a tomar para a retoma das atividades lectivas; Discussão sobre questões relacionadas ao pagamento de propinas e ainda um espaço para os diversos particulares e comuns. Participaram igualmente no encontro, vice reitores, directores de áreas afins das IESP e ainda representantes do Ministerio da Educação e Desenvolvimento  Humano e do Instituto Nacional de Desenvolvimento da Educação. O Ministério ds Tutela do Ensino Superior não esteve no encontro, justo porque, a reunião tinha também em vista, acertar os pormenores para uma plataforma comum de actuação na reunião que a seguir, na tarde de hoje, 01.06.20, os reitores tiveram com Gabriel Salimo,  Ministro da Ciência e Tecnologia, Ensino Superior e Técnico Profissional. Segundo disse, Jorge Ferrão,  é fundamental que as Instituições de ensino superior público (IESP), actuem em conjunto, tenham uma coesão, apresentem uma imagem organizada, estruturada e preparada para o momento. É primordial  garantir que os estudantes continuem a beneficiar de um ensino de qualidade e com continuidade, apesar de estarem em casa, o que desde logo levanta diversas questões, tais como: Saber quantos estudantes estão a beneficiar do ensino On line e, ou,  à distância? como estão a beneficar? Que plataformas estão a usar e como estão a usar? Com que efeito? 
Todas estas questões e outras colaterais e concomitantes nos remetem para o fundamental, que é saber se este ensino que estamos a praticar pode nos levar a avaliar e validar o  processo e, consequentimente, o semestre. É chegado o momento de as IESP terem o seu próprio Conselho de Reitores, disse Ferrão, prontamente secundado por Orlando Quilambo, Reitor da UEM. Manuel Morais, Reitor da UniSave falou duma recente reunião tida com as universidades que resultaram da divisão da Universidade Pedagógica e que agregam 52 mil estudantes do ensino superior, portanto, com uma palavra a dizer em todo este processo que está a ser pensado conjuntamente. Morais propõe uma redução de 20 por cento no pagamento da propina, um número lançado contra outros apresentados que vão até 50 porcento ou mesmo o pagamento na totalidade como é o caso da ACIPOL. A UPMaputo apresentou um estudo sobre a conectividade dos estudantes e docentes,  tipo de plataformas usadas, as preferências e sua eficiência. Os resultados de acordo com  Manuel Zunguze um dos autores do estudo, revelou que o WhatSapp é a plataforma, de longe, mais usada por estudantes e docentes. As plataformas institucionais, Moodle e SIGEUP,  no caso da UPMaputo, não têm a preferência dos estudantes. O Reitor da UEM apresentou um quadro semelhante, ou seja, os estudantes preferem ou são compelidos a estudar usando o telefone (WhatSapp). 
Alexandre Manguele, Director Geral do ISCISA propõe que Estado estude uma forma de isentar o IVA para baixar o preço dos computadores, sobretudo Laptop para estudantes. Segundo Manguele, é inconcebível que um estudante do ensino superior não consiga comprar um Laptop devido ao elevado preço. José Mandra, Reitor da ACIPOL disse que os Cadetes pagam a propina na totalidade este assunto não para discutir, tanto mais que os cadetes recebem salário. José Mário Magode, Reitor da Universidade Joaquim Chissano, vai pelo meio termo e por um estudo mais aprofundado em cada universidade, para se saber o tamanho dos contribuintes, as necessidades da instituição e as possibilidades de manter o sistema em funcionamento. Do lado do MINEDH,  Samaria Tovela, Directora do Ensino Geral mostrou preocupação com o facto de muitos alunos continuarem fora de casa em pleno estado de emergência. Os números apresentados não são animadores, a maior parte dos estudantes continuam com o sistema de fichas, a usar o papel com todos os riscos de contaminação. Das 38 semanas previstas para o semestre, só foram leccionadas 7 semanas, ou seja, só 18,5 por cento do conteúdo foi aprendido até agora. Em relação aos exames de admissão ao ensino superior para o próximo ano, tudo ainda está por ser analisado e decidido. O encontro das IESP teve um carácter consultivo, e no final fhcou decido que a UEM vai acolher o próximo evento muito em breve. Parece que o objectivo é mesmo criar um Conselho de Reitores do Ensino Público.

Contacte-nos

  • Endereço:
    REITORIA - Rua João Carlos Raposo Beirão nº 135 Maputo, Moçambique

  • Telefone: (+258) 21 30 67 09
    (+258) 21 32 08 60/2

  • Fax: (+258) 21 31 21 13

heraldica2

© 2017 CIUP - Centro de Informática da Universidade Pedagogica. Todos os direitos reservados.