A Comunidade de Nhogonhane, distrito de Marracuene, parou hoje, primeiro de Setembro, para assistir ao lançamento da primeira pedra do projecto, sistema fotovoltaico para irrigação sustentável de unidades agrícolas de produção familiar e formação de jovens e mulheres.
Trata-se de um projecto que tem como epicentro a machamba da Faculdade de Engenharias e Tecnologia (FET), da Universidade Pedagógica de Maputo, localizada na Comunidade de Nhongonhane, Distrito de Marracuene, que vai passar a servir de centro de Pesquisa em áreas de agricultura, energias renováveis, treinamento e capacitação de estudantes das instituições de ensino superior, alunos das escolas secundárias e agricultores das comunidades de Marracuene e de outras regiões, com destaque para as associações apoiadas pela Fundação Joaquim Chissano, visando a Produção orgânica e sustentável de hortícolas.
As obras iniciais, lançadas hoje, 01.09.20, baseam-se na construção de uma ponte para o acesso a machamba e travessia dos agricultores da comunidade local e abertura de valas para o escoamento das águas. Na fase seguinte, vão ser colocados 14 painéis solares com potencial energético para encher tanques com mais de 30 mil litros de águas para irrigar uma área de mais de 5 hectares, para além de fornecer água potável para a população. O maior beneficiário do projecto vai ser a associação de camponeses de Nhogonhane com pouco mais de 100 membros.
No lançamento do projecto, Shafee Sidat, Administrador de Marracuene enalteceu o gesto da UPMaputo e referiu que é com este tipo de parcerias que se desenvolve o país e em particular o distrito. Não precisa ser um grande projecto, envolvendo muito dinheiro, este projecto vai mudar a vida dos camponeses e da população de Nhongonhane, disse Sidat mostrando grande reconhecimento e satisfação.
Dinis da Costa, Director da FET, disse que a UPMaputo é uma Universidade da comunidade e para a comunidade, numa clara referência a actividade de extensão que ocasiona a transferência de saberes e o interface com os saberes locais. Vamos ensinar e aprender com os camponeses, rematou da Costa. Urânio Mahanjane, coordenador do NEER, Núcleo de Electrónica e Energias Renováveis da UPMaputo que teve a iniciativa do projecto, considera que estão criadas as condições para resolver o problema da irrigação agrícola na zona e, por via disso, o incremento da produção e melhoria do bem estar da população de Nhongonhane. As obras a cargo da construtora Gerencial Imóveis, deverão estar terminadas até o próximo mês de Novembro.

projeto fotovoltaico 2

projeto fotovoltaico 4

projeto fotovoltaico 3

projeto fotovoltaico 1

projeto fotovoltaico 5

Contacte-nos

  • Endereço:
    REITORIA - Rua João Carlos Raposo Beirão nº 135 Maputo, Moçambique

  • Telefone: (+258) 21 30 67 09
    (+258) 21 32 08 60/2

  • Fax: (+258) 21 31 21 13

  • DUNS: 558579373

heraldica2

© 2017 CIUP - Centro de Informática da Universidade Pedagogica. Todos os direitos reservados.